Cuidados com os disjuntores em situações de enchente

Os disjuntores são fundamentais para a proteção elétrica contra sobrecargas e curtos-circuitos. Em situações de enchente, sua funcionalidade pode ser comprometida, aumentando os riscos elétricos.

Veja o que você irá aprender nesse post:

a) Função dos disjuntores nos quadros elétricos;
b) Impacto das enchentes nos disjuntores;
c) Erros comuns ao trocar disjuntores após uma enchente;
d) Recomendações de segurança ao substituir disjuntores

Função dos disjuntores nos quadros elétricos

Os disjuntores são dispositivos essenciais em qualquer sistema elétrico, pois protegem contra sobrecargas e curtos-circuitos.

As sobrecargas ocorrem quando a corrente elétrica excede a capacidade do circuito devido ao uso excessivo de aparelhos, causando aquecimento dos cabos.

Os curtos-circuitos acontecem quando a corrente desvia por um caminho de baixa resistência, resultando em uma corrente muito alta e risco imediato de incêndios, podendo ser um contato direto entre uma fase e a terra.

Os disjuntores protegem contra ambos, sendo desligado em um curto período de tempo e interrompendo o fluxo de corrente para evitar danos nos cabos elétricos.

Um disjuntor deve ser capaz de interromper a corrente antes que o cabo superaqueça e cause problemas mais graves, no entanto, em uma situação de enchente, devido ao barro e oxidação ele perde essa funcionalidade, colocando a edificação em risco de incêndio e choque elétrico.

Aproveite e assista essa live sobre Cabos Elétricos que fizemos com a CONDUSPAR (Fabricante de cabos):

Impacto das enchentes nos disjuntores dos quadros elétricos

Durante enchentes, disjuntores podem ficar submersos, comprometendo sua função de proteção.

Esses dispositivos possuem partes móveis no seu interior que tendem a oxidar com o tempo ao entrar em contato com água, afetando sua capacidade de interromper a corrente em caso de sobrecarga ou curto-circuito.

Mesmo que um disjuntor submerso funcione após a água baixar, a sua eficácia pode estar comprometida, tornando-o um risco potencial.

É essencial orientar ao morador a substituir disjuntores que ficaram submersos para garantir a segurança elétrica da residência, visando manter a proteção contra sobrecarga e curto-circuito dos cabos elétricos.

Evite erro ao trocar um disjuntor após uma enchente

Um erro comum que muitos profissionais do setor elétrico fazem é substituir um disjuntor por outro de maior capacidade sem considerar a capacidade dos cabos existentes.

Por exemplo, um cabo de 2,5 mm² suporta até 21 amperes. Se você substituir um disjuntor de 20A por um de 32A, o cabo não suportará essa corrente maior, aumentando o risco de incêndios.

Portanto, sempre verifique a capacidade dos cabos antes de substituir um disjuntor.

Isso não só garante a segurança, mas também a conformidade com as normas técnicas.

Recomendações de segurança ao trocar os disjuntores

Ao substituir disjuntores, a segurança deve ser a prioridade. Desligue o quadro elétrico principal para evitar choques elétricos.

Identifique corretamente os cabos de entrada e saída para evitar inversões de fase.

Use equipamentos de medição para garantir que não há tensão nos cabos antes de iniciar o trabalho.

Em situações de calamidade, como após enchentes, essas precauções são ainda mais importantes para prevenir acidentes.

Muitos clientes podem hesitar em substituir disjuntores devido ao custo. É fundamental explicar os riscos associados a disjuntores danificados e a importância da substituição para evitar incêndios e outros perigos.

Você já pensou em se tornar um PERITO na área ELÉTRICA?

Ganhe autonomia e aumente seus rendimentos com os nossos Cursos de Capacitação Técnica para Peritos(as). Clique na imagem e de o primeiro passo rumo ao sucesso na área de Perícia Elétrica:

Aproveite e conheça outros conteúdos:

Quadros elétricos após enchente – Limpeza e manutenção

Reforma de eletrodomésticos após enchentes – Dicas práticas

Vistoria elétrica periódica reduz risco de incêndio

Autoria:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

Categorias

Posts Recentes